Notícias

Dicas de como estudar e continuar educando os filhos

A decisão de ser mãe representa a realização de um sonho para grande parte das mulheres, não é verdade? Mas para quem deseja voltar a investir em sua formação, estudar e continuar educando os filhos é uma tarefa desafiadora.

Porém, fique tranquila: é possível conciliar os dois lados, desde que você encare com muita organização e disciplina. Dessa forma, a maternidade deixa de ser uma barreira para a vida profissional — ainda mais neste momento, em que o mercado de trabalho se revela cada vez mais competitivo.

Portanto, se você pensa em continuar os estudos (até mesmo para ter uma vida mais confortável com os pequenos), não deixe de conferir nossas cinco dicas. Acompanhe!

1. Organize sua nova rotina

Em primeiro lugar, é preciso ter em mente que a maior demanda de afazeres agora faz parte da sua vida. Por isso, você deve estabelecer suas prioridades e organizá-las. Assim, será possível aliar a execução das tarefas indispensáveis ao seu objetivo nos estudos.

Além disso, tente mobilizar a família nessa nova fase, pois você também vai precisar de ajuda em alguns momentos. Afinal, o projeto visa também ao bem-estar familiar, não é mesmo?

E para deixar a rotina em ordem, procure trabalhar sempre com antecedência aos prazos. Se houver alguma emergência com o filho pequeno, por exemplo, o cronograma não será tão afetado.

2. Reserve um lugar tranquilo para estudar

Uma coisa é certa: o material acadêmico não pode estar ao alcance das crianças. Portanto, reserve um espaço na casa para que você possa se concentrar nos estudos. Assim, será possível fazer rascunhos, iniciar projetos, ler e escrever com mais tranquilidade.

Caso não seja possível improvisar ao menos um cantinho isolado de toda a movimentação, separe uma caixa ou baú para guardar o material. Com certeza você vai ser capaz de retomar o trabalho mais facilmente de onde parou.

3. Matricule-se em um curso a distância

A sua rotina agora inclui os filhos, certo? Isso não impede a realização de metas profissionais, mas certamente vai mudar a sua disponibilidade. Por isso, recorrer a um curso a distância pode ajudar bastante nessa nova fase.

Como mencionamos, a organização e a disciplina podem ser as chaves para esse novo mundo a sua espera. Portanto, embora as regras de um curso a distância possam se flexibilizar às suas necessidades, é imprescindível cumpri-las.

Faça todo o possível para seguir o cronograma sugerido pela plataforma do curso. Assim, você não terá que se desdobrar ao fim do período para dar conta de todas as tarefas.

4. Defina um horário mais produtivo

Já que é você quem vai passar a definir as regras dos estudos daqui para frente, escolha aquele horário em que sua produtividade está em alta.

Se você se concentra mais à noite, invista nesse tempo. Agora, se a manhã proporciona essa vantagem, tente ir para a cama mais cedo e explore mais o horário matinal. O importante é manter um ou dois tempos diários para a dedicação aos estudos.

5. Estabeleça metas possíveis

De nada adianta projetar tarefas além das suas condições reais de executá-las. Por isso, crie expectativas dentro do que for possível alcançar no seu dia a dia. Desse jeito, quando você for além daquilo que foi preestabelecido no seu cronograma, a sensação será de conquista e não de frustração.

É importante não se cobrar tanto. Afinal, ser mãe também requer tempo livre para curtir os filhos, descansar e interagir com a família. Assim, logo você vai perceber que quantidade não significa qualidade quando o assunto é estudar e continuar educando os filhos.

Curtiu o post e resolveu investir em um curso a distância? Descubra agora se o diploma EAD também é reconhecido pelo MEC!

Mais notícias

Dez cursos técnicos para estudar de casa
Mais de 100 cursos online da FAESDE para fazer durante a quarentena
Tudo o que você precisa saber sobre EAD
7 motivos para fazer um curso a distância em 2020

Receba os nossos informativos

Fique por dentro das novidades na Faesde e receba dicas exclusivas para o mercado de trabalho.