Notícias

Como preparar um ambiente de estudo em sua casa

Ao empenhar-se na busca de melhores resultados nos estudos, um aluno deve dispor de diversas estratégias. Rodeados por aplicativos que ajudam nessa tarefa, os estudantes podem desfrutar de inúmeros métodos para evitar o branco na hora das provas e escolher o melhor curso entre os ofertados pelas instituições de ensino, por exemplo. Entretanto, muitas vezes, acabam esquecendo da organização de um bom ambiente de estudo.

A escolha e a manutenção de um bom ambiente de estudos são extremamente importantes. Lugares barulhentos tornam-se meios difíceis de manter a concentração, outrossim, um lugar desconfortável pode acarretar sérios problemas de saúde.

Quer saber mais? Leia este artigo e conheça 4 maneiras de encontrar, e organizar o espaço de estudos ideal. Confira!

1. Mantenha o espaço de estudos bem ventilado

Já imaginou estudar em um local abafado? Seria um verdadeiro tormento, não acha? Ademais, dificilmente seria possível concentrar-se nos livros e apostilas.

O lugar de estudo deve ser bem arejado, preferencialmente com ventilação cruzada. Isto é, a corrente de ar deve circular entre portas e janelas.

Assim, é possível reduzir a necessidade do uso de ventiladores e ares-condicionados, e ao mesmo tempo deixar o ambiente com uma temperatura agradável.

2. Aposte em uma boa iluminação

Estudar em um lugar muito escuro, além de ser desconfortável, pode comprometer sua visão. Para evitar isso, no local dedicado aos estudos, instale uma iluminação homogênea. Isso significa organizar as lâmpadas de modo a possibilitar uma iluminação uniforme, sem a formação de sombras.

Uma boa dica é utilizar uma lâmpada de teto posicionada atrás da sua cabeça. Dessa forma, evita-se que a luz incida diretamente sobre seus olhos, assim como ocorre com a utilização de luminárias localizadas sobre a mesa.

3. Use uma cor ideal para o local de estudos

Você sabia que as cores influenciam diretamente no nosso desempenho cognitivo? Por exemplo, o laranja é capaz de estimular o raciocínio lógico. Já os tons de azul-claro transmitem a sensação de relaxamento.

Em consequência disso, para o local de estudos, de preferência aos tons alaranjados, amarelos ou violetas. Essas são cores motivacionais. Mas lembre-se de pintar apenas uma das paredes com a cor escolhida, evitando assim o estímulo exagerado no ambiente.

4. Certifique-se de que sua área de estudo seja confortável

Você provavelmente vai passar horas estudando. Neste sentido, torna-se inviável permanecer sentado numa cadeira ruim, por exemplo. É muito importante posicionar seu computador e sua cadeira de maneira a não prejudicar a postura de suas mãos, pulsos e pescoço.

Certifique-se de que o acento e o monitor estejam na altura correta e reflitam uma posição ergonômica, adequada para horas de estudo confortável. Tenha cuidado para evitar lesões por esforço repetitivo (LER), lembrando que a LER pode causar dificuldades ao longo de toda a vida.

Essas foram algumas dicas valiosas para organizar um ambiente de estudo saudável. Também é interessante buscar maneiras de se concentrar com o auxílio da música. Existem inúmeros gêneros musicais que aumentam nossa capacidade de se concentrar nos estudos. Experimente e veja qual som te deixa mais sintonizado!

Agora que você já sabe como organizar um espaço adequado de estudos, que tal começar a estudar? Confira algumas vantagens incríveis do ensino a distância.

Mais notícias

Dez cursos técnicos para estudar de casa
Mais de 100 cursos online da FAESDE para fazer durante a quarentena
Tudo o que você precisa saber sobre EAD
7 motivos para fazer um curso a distância em 2020

Receba os nossos informativos

Fique por dentro das novidades na Faesde e receba dicas exclusivas para o mercado de trabalho.